Capa >> Games >> Recordar é Jogar – Super Mario World
Seja +1 e curta o NoReset no Google Plus!

Recordar é Jogar – Super Mario World

Olá pessoas, semana passada ficaram apenas com tirinhas minhas como conteúdo publicado por mim, Wesley Pires. Porem foi por uma razão especial. Sabe quando voltamos a jogar um jogo antigo no emulador, para poder relembrar como ele era, porem não paramos de jeito nenhum? Aconteceu isso por um tempo, e isso deve-se ao fato de ser o primeiro jogo que joguei no Super Nintendo. Sim, a coluna Recordar é Jogar da semana será sobre Super Mario World.

"MARIO!!!WHAAAAH!!!"

Me lembro como se fosse hoje quando minha “Babãe” trouxe um Super Nintendo para ser aberto no natal, porem foi montado antes por insistência de todos os filhos. E pintavam aqueles problemas de iniciante, como não saber andar acelerando, morrer facilmente na fase com água, etc. Porem creio que esta foi a melhor fase em se tratando de diversão entre família, pois até meus pais jogavam o Super Mario World. Inclusive foram algumas as vezes em que meus pais ligavam para a minha avó nas férias (eu passava as férias escolares por lá) e falavam coisas como “filho, consegui passar a casa assombrada da caverna”. Bons tempos que dificilmente voltarão.

Mario, o ladrão de maçãs!

Vamos à história do jogo: Mario, Luigi e a Princesa Peach estão passando férias na Dinossaur Land quando novamente os asseclas de Bowser raptam a Princessa. E quando rumam para resgatar a danada, encontram Yoshi, um dinossauro bípede verde (também conhecido como “cavalinho”) que pede ajuda para libertar seus irmãos, presos em ovos pelo Bowser e seus 7 filhos. A partir daí, Mario, Luigi e Yoshi começam a desbravar a Dinossaur Land derrotando os filhos de Bowser e libertando outros Yoshis.

"THIS-IS-SPARTAAA!!!"

O jogo segue o famoso estilo “plataforma”, onde você anda para frente (podendo regredir também), vai saltando obstáculos, encontrando itens até chegar ao final da fase. Um esquema bem simples, para um jogo que te proporciona níveis de desafios crescentes, principalmente na variedade de fases, não limitando apenas ao “ir pra frente e pulo”. E como nos outros jogos, os itens ajudam o Mario a progredir nas fases. Aliás, no Mario Wiki achei uma imagem que tinha naqueles guias do cartucho, mostrando bem cada evolução do Mario usando os itens:

Porem estes itens possibilitam apelações clássicas como em algumas fases usando a Cape Feather (“Pena da Capa” no original brazuca) é possível voar com ela até o final da fase, ou usando a Fire Flower (“Flor de Fogo” por aqui) para empurrar e derrotar chefes que ficam nas plataformas triangulares, como Iggy Koopa. Há outros itens como o P-Balloon que deixa o Mario com obesidade mórbida e a famosa Estrela (ou simplesmente “Star”) que o deixa sob efeitos de alucinógenos invencíveis.

"Acho que consigo fugir deles!"
"STRIKE!!!"
"Stayin aliiiiiiiiiiiiiiiiiveeeeeeee.....!"

Apesar de muitos terem começado suas vidas de gamer nos consoles anteriores como Master System, NES e seus genéricos ou até mesmo no Atari, o Super Nintendo foi o inicio da minha vida dos os jogos, e Super Mario World me divertiu por muito tempo. Creio que vale a diversão até hoje, mesmo que para a grande maioria o jogo não seja tão desafiador quanto em outrora.

Aliás, aqui vai um “off-topic” de uma teoria que eu pensei há pouco tempo: provável que em todos os jogos, Mario antes de conhecer a Princesa Peach, era um encanador a serviço do Bowser (ou de outra pessoa) que fez todos os encanamentos nos mundos dos jogos, e como deu merda (com o seqüestro da Princessa) e ele sabe os caminhos secretos entre os canos, ele se prontificou a salvar a danada. Essa teoria me martelou por um tempo, e nem sei se faz sentido. O que acham?

Mario e sua sutileza...
Curta o NoReset no Facebook!

Sobre Wesley Pires

Goiano com orgulho, nascido em 1988, pronto para mais. Comecei na geração 16 bits, porem minha vivência com jogos me fez admirar a geração 8 bits, me fazendo descobrir o quão bom são os chiptunes. Adoro vários estilos, mas não abro mão dos jogos onde podemos nos divertir juntos dos amigos, como os clássicos do Super Nintendo, e também não abro mão de um bom RPG, e nem de algum jogo da série Final Fantasy. Atualmente sou um amante inveterado de Game Music, e será comum em meus posts ver menções musicais, alem de gifs totalmente nonsense. Eu falei que sou responsável pelas tirinhas do site?! E-mail: wesley@noreset.net

Aproveite e leia também >>

2014-10-10 15.52.36-1

[Análise] Brasil Game Show cresceu e precisa de ajustes

A Brasil Game Show 2014 acabou. Desde que a feira começou a ser organizada em ...

8 comentários

  1. “THIS-IS-SPARTAAA!!!” Rachei com isso xD

    Cara SMW é meu Mario 2D preferido, empatado com o meu Mario 3D preferido, Super Mario Galaxy de Wii.

    Foi meu primeiro jogo de SNES, como da maioria, já que vinha com o console. Tenho orgulho de ter passado pelas 96 fases desse jogo e certamente irei rejogá-lo um dia.

    Boa lembrança manolo o/ SMW é um clááááássico que merece ser lembrado “ad eternum”!!!

  2. A tua toeria faz MUITO sentido, hahaah Ai ele conheceria todos os caminhos etc. porra…ele não pode ser qualquer mané que pagaram pra salvar a Peach/Bitch.

    Esse jogo é EPIC
    Olha..vou te comentar conheci ele DEPOIS do Yoshi’s Island..SIM, porque na real eu tive Mega Drive em boa parte da época 16 bits. a grande briga da epoca. ai quando comprei meu SNES, lá por 95 (ou 96) ja vinha junto com o Mario World 2. que é esse do Yoshi. Depois de alguns meses fui atrás desse game e lembro de ter achado feioso se comparado ao seu sucessor, mas o jogo me divertiu horores.
    Ainda dou uma reogada nele. peguei ele no Advace numa epoca e terminei mil vezes.

    Parabéns pelas colunas
    Stayin Alive!

  3. AÍ Ó!!!

    Lembro q tinha nego dizendo que o jogo tinha 100 e tantas fases.
    #BULLSHIT
    A própria capa do jogo já diz que são 96!

    NOVENTA E SEEEEEEEEEEIS!!!!!!1!!1ONZE!!!

    No mais… ótimo jogo! Mas não foi o primeiro jogo que joguei num SNES!
    Debutei neste console jogando Fatal Fury! Hehe!

  4. Fodástico ever! Vira e mexe tô playando!

  5. Vou ser crucificado por isso, mas…
    EU NÃO GOSTO DO MÁRIO! E dificilmente vou gostar desse encanador pançudo infeliz, que não consegue nem salvar uma princesa escrota de um dinossauro-tartaruga-gigante.

    Se bem que eu me diverti bastante com esse jogo. #D

  6. No ponto que você citou: até meus pais jogavam…

    Então, a minha mãe é apaixonada por mário, quando eu era menor, e quase eu tinha meu SNES eram tardes com Super Mário World.. eu, minha mãe e minha irmã =D

  7. Eu amooooooooooooooooooooooooo Super Mario World!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    E cara vc tem razão Mario devia trabalhar pro Browser e seus filhotinhos! E pensar que eu achava que ele era o Herói!!!
    Mas, talvez ele não sabia que Browser era do mal! Acho que esta duvida vai ficar pra sempre, ou alguém fala com a grande marca Nintendo!!!
    BJSSS!!! Nova visitante do blog!!!

  8. Boa Galera!

    Bom ver vocês de volta!

%d blogueiros gostam disto: