Capa >> Arquivos de Tag: Apple

Arquivos de Tag: Apple

Após polêmica, Gradiente explica em vídeo o nome ‘iphone’

Após a polêmica levantada pela empresa brasileira Gradiente, que afirma ter registrado o nome ‘iphone’ no País em 2000, agora a companhia apresenta um vídeo que conta a história da patente no Brasil, afirma que foi a primeira no mundo a registrar a marca. Numa atitude inusitada a Gradiente compara o seu iphone com o iPhone da Apple. Ela não faz ofensas, elogia o concorrente e mostra que tem um diferencial que é a compatibilidade com dois chips e que roda em sistema Android. Assista ao vídeo.

Anatel libera venda de iPad Mini e iPad 4 no Brasil

TECH A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) homologou e liberou a venda do iPad Mini e o iPad 4 para comercialização no Brasil.

De acordo com o certificado emitido pelo órgão em sua página, a Apple está apta a comercializar no País os modelos Wi-Fi e com conectividade 3G e 4G (LTE) dos dois tablets. Ainda não se sabe se os modelos serão compatíveis com as redes 4G no Brasil, que devem entrar em funcionamento a partir de março de 2013.

Os novos produtos foram apresentados pela Apple no dia 23 de outubro, nos Estados Unidos. No último dia 2, eles começaram a ser vendidos em 34 países. Mas por aqui, ainda não há previsão de quando chegam às lojas. Os preços também são uma incógnita.

Com relação aos preços, nos Estados Unidos, o iPad mini tem preço inicial de US$ 329 na versão de 16 GB Wi-Fi. Os preços aumentam US$ 100 para cada modelo de 32GB e 64GB. Já as opções com 4G (LTE) começam em US$ 459. Já a 4ª geração do iPad custará o mesmo que a versão anterior, com o modelo Wi-Fi de 16GB iniciando em US$ 499. Já o modelo com LTE e 16GB iniciará em US$ 629.

Pane no Google? Veja alternativas para situações como essa


TECH  Uma pane nos servidores do Google deixou muita gente enlouquecida nesta segunda-feira. Serviços como o Gmail, Google Docs e até o YouTube ficaram fora do ar por quase uma hora e teve muita gente que o pensou até que o mundo fosse acabar.

Apesar da empresa ter alegado que não havia nenhuma falha em seu sistema, muitos usuários reclamaram da falta de acesso e para sorte de alguns buscadores, teve muita gente que, para dar continuidade as suas atividades precisou recorrer à concorrência, como o Bing, da Microsoft.

Instalibilidade ou não, o que ficou comprovado é que tem muito usuário dependente da companhia. E não se trata apenas do buscador. Há muitos internautas que se renderam à marca e hoje, mantêm todos os seus arquivos em sistemas operacionais do Google.

Para não ficar a “ver navios” da próxima vez que alguma das ferramentas da companhia estiver fora do ar, a equipe do NoReset selecionou alguns serviços que podem substituir aqueles oferecidos pela gigante de buscas.

Uma alternativa para quando o Gmail estiver fora do ar é manter sua conta sincronizada, até mesmo com outros provedores, no Outlook.com.

Mas se você precisar de um buscador, além do Bing, também pode recorrer ao Yahoo ou ao bom e velho Altavista. No caso de mapas e geolocalização, a saída é recorrer ao Nokia Maps ou Bing Maps.

Quer armazenar algum arquivo em nuvem, mas o Google Drive está fora do ar? Fique tranquilo, uma alternativa viável é o serviço Skydrive, também da Microsoft. Outra saída é guardar seus documentos no DropBox ou no iCloud, criado pela Apple. Nele, você pode ter os arquivos que necessita em qualquer lugar e o acesso pode ser feito em uma ou mais máquinas.

Faltou alguma ferramenta? Dá um Google então!

 

Apple mostra iPad Mini, novo iMac e MacBook com tela de retina

TECH Nesta terça-feira, 23, a Apple realizou a sua concorrida conferência de imprensa no California Theatre, em San José, estado da Califórnia. O CEO da Apple Tim Cook e o vice-presidente sênior de marketing mundial, Philip Schiller apresentaram aos jornalistas o iPad Mini, a nova linhas de computadores Mac, uma nova versão de MacBook Pro e um iMac com uma nova forma de armazenamento. O evento acontece dias antes de a Microsoft lançar o novo sistema operacional Windows 8 e o seu tablet Surface.

A empresa comemorou a venda de 100 milhões de unidades de iPads, desde o seu lançamento, em abril de 2010 – dominando 70% das vendas no segundo trimestre deste ano. “Nós vendemos mais iPads (no último trimestre) do que qualquer outro fabricante de PCs”, comemora Tim Cook.

O CEO da empresa destaca que há no mundo 200 milhões de dispositivos da Apple rodando o novo sistema operacional iOS 6 e que a loja possui atualmente mais de 700 mil aplicativos, onde os clientes têm baixado mais de 35 bilhões de apps. A empresa também destaca a liderança no mercado de desktops e notebooks nos Estados Unidos.

Ipad Mini

O iPad Mini, que foi apresentado pelo vice-presidente sênior de marketing mundial, Philip Schiller, tem 7,9 polegadas. O dispositivo é menor que a terceira versão do tablet da Apple, que tem 9,7 polegadas e é um pouco maior que os seus concorrentes Google Nexus e Amazon Kindle Fire, que tem 7 polegadas cada um.

A sua tela, que é de retina, tem a mesma resolução do iPad anterior, com 1024 x 768 e terá as versões Wi-Fi 16 GB, 32 GB e 64 GB e as versões WiFi com tecnologia celular LTE.

Além disso, o iPad Mini tem autonomia de cerca de 10 horas, uma câmera iSight 5MP e possui um processador A6X, que promete o dobro do desempenho nas tarefas do CPU e processamento de gráficos. O iPad Mini terá a disposição na App Store mais de 275 mil aplicativos desenvolidos para o tablet.

Os preços iniciais são: Wi-Fi – 16 GB (US$ 329), 32 GB (US$ 429) e 64 GB (US$ 529); Wi-Fi + LTE (celular) – 16 GB (US$ 459), 32 GB (US$ 559) e 64 GB (US$ 659). Todos os modelos estarão disponíveis em 24 países a partir desta sexta-feira, 26. O Brasil, como sempre, não está na lista da Apple, no primeiro momento.

MacBook Pro

O novo notebook da Apple terá uma tela de 13,3 polegadas será tão fino quando o MacBook Air e terá uma imagem mais nítida, por causa da tela de retina, dando uma melhor definição de imagem. O modelo inicial custará US$ 1.699.

Mac

Já o novo modelo do iMac apresenta um novo design, mais fino, com terceira geração de processadores Intel quad-core, gráficos Nvidia e uma nova opção de armazenamento de disco chamado Fusion. O preço inicial será de US$ 1.299.

Veja a galeria de imagens da coletiva da Apple:

[fgallery id=6 w=635 h=385 t=0 title=”Evento de imprensa da Apple – 23/10/2012″]

[AO VIVO] Assita a coletiva de imprensa da Apple e ao evento de lançamento do iPad Mini

TRANSMISSÃO ENCERRADA! OBRIGADO POR ACOMPANHAR O NORESET AO VIVO

Transmissão de vídeo via Ustream – NoReset

Apple vale mais que a Polônia, Bélgica, Arábia Saudita e Suécia


O canal de notícias a cabo CNN informou que as ações da Apple atingiram um novo recorde: mais de 500 bilhões de dólares ou um trilhão de reais. É um valor assim: R$ 1.000.000.000.000,00! Leia Mais »

Agora você pode fritar seus ovos (e o bacon) com um iPhone


Sim, agora você pode cozinhar, fritar seus ovos, bacon, fazer pão na chapa, fazer café, esquentar o leite, tudo isso no mais novo lançamento chinês: o fogão iPhone, que foi criada por uma empresa chamada Apple China (!). Leia Mais »

Mulher Maçã fará tatuagem para ‘Esteve Jobs’ (que deve ser da Épou!)

Para bom entendedor. Primeiro role a tela para baixo e conheça a Mulher Maçã…

Ok! Agora leia o release que foi mandado para os principais veículos de comunicação da imprensa brasileira. Leia Mais »

Steve Jobs *1955 +2011 – O mito deixa os mortais


O fundador da Apple e criador do iPod, iPhone, iPad, Machintosh, Steve Jobs morre nesta quarta-feira, 5. O anuncio foi dado pela própria Apple em seu site (www.apple.com). Além disso, Jobs participou da primeira equipe que criou o Atari e criou a empresa de animação Pixar.

O criador da empresa tinha 56 anos e lutava contra um câncer no pâncreas. O site da Apple mostra a imagem de Jobs e a data de nascimento e morte e também divulga um simples comunicado. Veja abaixo:

“A Apple perdeu seu gênio criativo e visionário, o mundo perdeu um ser humano maravilhoso. Aqueles que foram sortudos o suficiente para conhecer e trabalhar com Steve perderam um grande amigo e um mentor. Steve deixa uma companhia que apenas ele poderia ter construído e o seu espírito será a base da Apple para sempre”

A Apple comunicou também que caso queira prestar homenagens com envio de mensagens e fotos, basta enviar um email para rememberingsteve@apple.com e prestar sua (devida e merecida) homenagem ao gênio da tecnologia.

A empresa informou que ele faleceu de forma tranquila, Jobs criou a empresa aos 21 anos e a companhia tornou se atualmente a 8ª empresa de tecnologia mais valiosa do mundo. Por uma grande ironia da vida, o presidente que sucedeu Jobs na Apple, Tim Cook, decepcionou os amantes da maça comida, quando foi lançado o iPhone 4S. As ações da empresas cairam 3% um dia antes desta data fatídica.

O fato dele ter morrido não é só uma perda, mas uma perda irreparável. Ele criou e recriou algumas tecnologias que reinava no mercado. O mercado de música ele renovou colaborando para a criação do MP3, que no fim deu na criação do iPod. Depois ele renovou novamente a indústria de comunicação com a criação do iPhone e logo depois deu esperança ao mercado de publicações e mídia com a criação do iPad.

O cara pode ser muito carrasco, cruel e insensível, mas ele foi perfeiccionista e exigente. Tudo isso para criar obras primas tecnologicas e de alta qualidade.

Neste momento o Twitter brasileiro explodiu no Trending Topics e sen dúvida é o assunto mais discutido no mundo. O que resta a dizer é: ‘descanse em paz, Steve! Você é o mito do século 20 e 21!

Steve Jobs deixa o comando da Apple. E agora?

Quarta-feira, 24 de agosto de 2011. Steven Paul Jobs, 56, anos deixa o comando da companhia que inovou o mercado da tecnologia aliando beleza e desempenho aos computadores quadrados, feios e pesados que existiam e ainda existem por aí.

Ele é um sujeito admirado pela sua inteligência ímpar e pelo seu perfeiccionismo e ao mesmo tempo odiado por ser um carrasco e extremamente duro com os seus empregados. Porém, com estas características ele se marcou a índustria. Leia Mais »

%d blogueiros gostam disto: