Capa >> Arquivos de Tag: Console

Arquivos de Tag: Console

Morre Ralph Baer, pai do console de videogame (e do Odyssey)

A família confirmou ao site Gamasutra que o inventor do conceito de console de videogame, o engenheiro alemão, Ralph H. Baer, morreu aos 92 anos no domingo.

Ele inventou o Brown Box entre 1966 e 1968 com o auxílio de Bill Harrison e Bill Ruscj e uma verba de pesquisa de US$ 2,5 mil, 40 transistores e 40 díodos e depois vendeu o conceito para a empresa Magnavox e juntos, em 1972, lançaram o Odyssey. Além do console ele desenvolveu o primeiro periférico para um videogame, a pistola de luz, que fazia parte do jogo Shooting Gallery.

O Odyssey recebeu 27 títulos, distribuídos, como Tennis, Sky e Wipeout, em 12 cartuchos. Com isso, as vendas alcançaram a marca de 330 mil consoles vendidos. Durante sua carreira como cientista e inventor, desenvolveu mais de 150 produtos, que foram patenteados nos Estados Unidos.

IMG_5299-0.JPG

Baer também inventou o jogo Simon ou Genius, no Brasil, que ficou popular nos anos 80 por aqui. O sucesso do Odyssey inspirou concorrentes, como Nolam Bushnell, que criou a sua empresa de videogames, a Atari além de outras empresas.

O inventor também recebeu prêmios do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE), da Game Developers Conference como pioneiro, em 2008 e recebeu do presidente dos EUA, George W. Bush a Medalha Nacional de Tecnologia e Inovação.

O que engenheiro alemão deu o pontapé para o desenvolvimento da indústria de games. Ele deixa três filhos.

Vendas de consoles: PlayStation 4 lidera; Wii U e Xbox One embolam

A Sony comemora o bom desempenho em vendas do do console PlayStation 4. Até o dia 6 de abril, a companhia japonesa ultrapassou a marca de 7 milhões de unidades vendidas em 72 países. Além disso, as vendas de jogos também estão de vento em popa. As vendas atingiram mais de 20,5 milhões de cópias vendidas em lojas de todo o mundo via downloads ou compra por lojas físicas até o dia 13 de abril. A Sony Computer Entertainment Inc. (SCE) promete que até o fim de 2014 mais de 120 títulos serão lançados no mercado.

“A jornada do PS4 apenas começou e continuamos firmes em nosso compromisso de ultrapassar as maiores expectativas dos jogadores ao fornecer novas experiências de usuário que inspirem e envolvam. Esperamos ansiosamente pela oportunidade de revelar muitas dessas experiências para os nossos fãs nos próximos meses”, diz Andrew House, Presidente e CEO da SCE.

ps4_div

As promessas da Sony para o console são: Destiny (Activision), The Elder Scrolls Online (Bethesda), Allien: Isolation (SEGA), Watch_Dogs (Ubisoft Entertainment), NBA 2K15 (2K), #DRIVECLUB (SCE WWS), MLB 14: The Show (SCE WWS) e The Order 1886 (SCE WWS).

Além disso, muitos títulos da comunidade indie devem chegar ao PS4 em 2014, como N++ (Metanet Software), GALAK-Z: The Dimensional (17 Bit Games), Transistor (Supergiant Games), Secret Ponchos (Switchblade Monkeys Entertainment), The Witness (Thekla, Inc.), Octodad: Dadliest Catch (Young Horses) e Daylight (Zombie Studios).

Xbox One chega aos 5 milhões

xbox-one-console

De acordo com um relatório publicado pelo site de economia Forbes, a Microsoft finalmente revelou o número de vendas do seu console da nova geração. O Xbox One chegou a marca de 5 milhões de consoles para os varejistas. A venda direta pode ser um número menor, mas ainda é um segredo a sete chaves. Os dados são da consultoria NPD Group, vindos de dados internos da Microsoft.

Além disso, o relatório do mês de março de 2014 mostra que o Xbox continua com uma boa média de jogos por consoles — 2,9 jogos por aparelho. Se combinar o Xbox One e o Xbox 360, a soma de venda de jogos chega com 4,1 milhões em março. (1,4 milhões X360 e 2,7 milhões XOne), chegando ao número de 49% das vendas do mercado de software naquele mês.

Top 10: Plants vs. Zombies: Garden Warfare (EA), Call of Duty: Ghosts (Activision), Metal Gear Solid V: Ground Zeroes (Konami), Titanfall (Respawn Entertainment) estão entre os títulos mais vendidos do Xbox One. Já para Xbox 360 seis títulos se destacam: Minecraft (Mojang), Dark Souls II (Bandai), The Lego Movie Video Game (WB Games), Plants vs. Zombies: Garden Warfare (EA), Call of Duty: Ghosts (Activision), South Park: The Stick of Truth (Ubisoft).

Wii U tem estimativa de vendas na casa dos 6 milhões

wiiublack_div
Mesmo com uma crise e dívidas a Nintendo ainda tem o que comemorar. Os dados sobre vendas do Nintendo Wii U aparentemente não são animadoras, mas segundo a publicação VGChartz, que acompanha o mercado de videogames, o console de nova geração da Nintendo tem se saído bem nas vendas.

De acordo o site o console Wii U teria atingido a marca de 6 milhões de unidades vendidas até agora. Os números da públicação, que são estimativas baseadas em documentos, pesquisas e estudos da NPD mostram que o console tem uma briga boa com a caixa da Microsoft.

Pesquisa mostra hábitos de jogadores no Brasil, EUA e Coreia do Sul

A pesquisa, chamada de New Ways to Play Games, ou Novos Caminhos para Jogar Videogames, fez um levantamento sobre os hábitos de consumo de jogos do Brasil, Estados Unidos e Coreia do Sul. Mais de 8 mil pessoas, com idades entre 15 a 69 anos foram questionadas. Segundo a pesquisa feita pela Consumerlab, encomendada pela empresa de telecomunicações sueca Ericsson, mais da metade dos brasileiros pesquisados jogam videogames no console e mobile. Ou seja, os brasileiros jogam no tanto em casa como em movimento, com seus celulares e smartphones. Leia mais detalhes.

Estudo foi feito com 8 mil pessoas nos Estados Unidos, Brasil e Coreia do Sul. Foto: Reprodução.
Estudo foi feito com 8 mil pessoas nos Estados Unidos, Brasil e Coreia do Sul. Foto: Reprodução.

Comportamento

Lá Coreia do Sul, onde os games são aceitos por 85% dos entrevistados, é visto como uma profissão. Lá os games são ‘legais’ e são aceitáveis para o publico. Lá os coreanos esperam que os games possam evoluir para o controle sensorial, realidade virtual e tecnologia vestível. A média de idade dos jogadores é de 40 anos (50% dos pesquisados).

Nos Estados Unidos, o jogo casual aos poucos torna-se uma parte da vida cotidiana para o público gamer devido a qualidade dos jogos em smartphones e a melhoria da internet. Se os jogos melhorarem fora do ambiente caseiro, a tendência que as pessoas passem mais tempo jogando fora de casa. O levantamento aponta que os norte-americanos tem nos games um hobby, que pode se tornar um vício. Mesmo assim, 75% dos nativos, onde a média de idade dos jogadores pesquisados é de 34 anos (50% dos pesquisados), tem boa aceitação aos jogos.

Enfim, no Brasil os jogos para o celular são comuns, o brasileiro dispensa tempo para jogos para estar com a família ou amiogos. Além disso é considerado um passatempo em um momento específico, durante a semana, indo ao trabalho, por exemplo. Para os brasileiros pesquisados, o fim de semana é offline com a família. Sendo assim, o Brasil fica na lanterna com o índice de aceitação de 53%. Além disso, o país tem a média de idade mais baixa entre as nações pesquisadas: cerca de 60% dos pesquisados tem abaixo de 30 anos.

Imersão, recompensa e socialização

A pesquisa avança também no interesse de o que leva o jogador até o game. Três grupos foram dividos – imersão (experiência), recompensa (cumprir objetivos para vencer e ter melhor resultado) e socialização (interação com outras pessoas). Sendo assim, os dados da Ericsson apontaram que a motivação mais comum é a recompensa que tem ligação com a gameficação. Só pensar no FourSquare quando se faz um check-in em algum lugar, no shopping ou cinema.

Entretanto os jogadores tem seus momentos, como tempo dedicado exclusivo, quando chega em casa depois do trabalho ou quando fazem o trajeto de casa para algum lugar. Cada pesquisado tem sua característica. O gamer tem a tendência de socializar e da recompensa, durante o seu caminho.

A pesquisa mostra que dependendo do momento em que jogador está o jogo pode ser simples e fácil, como um puzzle durante um trajeto, ou em casa durante um jogo de adventure que exige maior concentração e atenção durante a partida.

A pesquisa completa, em inglês, pode ser baixada clicando aqui.

PS4k: Para a Sony, a culpa é do governo (e seus impostos…)!

Enfim, como era esperado, a Sony fez um post, assinado pelo gerente geral Mark Stanley, no blog oficial do console no Brasil, e explicou basicamente que o preço salgado de 4 mil dilmas é culpa do governo (como se fosse novidade).

A empresa reforça que ela não tem interesse de colocar um preço alto no mercado, porque não é bom para os consumidores e nem para a marca PlayStation.

Vamos para as contas: 63%, sim, SESSENTA E TRÊS POR CENTO, do valor do console é puro imposto. IPI, ICMS-ST, ICMS Estadual, MVA, CONFINS, PIS, IPI… Tudo isso vai pros cofres do governo brasileiro.

21% é o preço de transferência do console, 22% é o lucro da Sony Brasil e do varejista. Com essa conta, fecha 106,5%. Aí, o total seria de R$ 4.257. Então, houve o desconto de 258 reais, que tira os 6,5% e no fim o PS4 ganha o preço SUGERIDO de R$ 3.999.

VEJA A TABELA:

graficops4br
Clique para ampliar. Fonte: Sony

O executivo da empresa japonesa ainda promete que vai continuar conversando com o governo para tentar derrubar esse alto valor e a pesada carga fiscal.

Ou seja, se em algum momento houve esperança de que o preço do console cairia com este anúncio, esqueça…

A única forma mais viável de derrubar o preço no País é a fabrica brasileira passar a produzir o console de forma mais rápida. Para que esse início de vendas de lançamento não seja um candidato ao fracasso. Ou então, vá para o plano B, busque o console lá fora, viajando ou trazendo por importadoras, pois, mesmo com todo o custo, o console ainda fica mais barato que o PS4 vendido por aqui.

UPDATE

Ao site do Valor Econômico, Mark Stanley, VP da Sony Computer Entertainment para a América Latina diz que a companhia considera o valor inacessível, por causa dos impostos e importação, e que a única saída é que a fabricante japonesa começasse aproduzir o console por aqui.

Mesmo sem apontar datas, o executivo disse que o Brasil será um dos três polos de fabricação do videogame no mundo. O outro será o Japão. No momento apenas a China produz o PS4 para o lançamento mundial. O fator PS3, que já é fabricado em Manaus (AM), pode acelerar a produção do console por aqui.

NOTA NO BLOG OFICIAL DO CONSOLE – GAMERS BRASILEIROS, NÓS OUVIMOS VOCÊS

Pre-pa-ra o bolso: PlayStation 4 no Brasil por R$ 3,999

A Sony Computer Entertainment America acaba de anunciar oficialmente que o PlayStation 4 (PS4) (CUH-1000A series) será lançado no Brasil ao preço de R$ 3.999. E como isso não é suficiente, o preço sugerido dos jogos para o console será R$ 179. O console será lançado no dia 29 de novembro de 2013.

Gamescom: Brasil terá PS4 em novembro

20130821-085501.jpg

A Sony anunciou durante a sua conferência na Gamescom, a maior feira de games da Europa, que acontece na Alemanha, a data de lançamento e o preço do Playstation 4. Os grandes dias são 15 de novembro nos Estados Unidos, apor US$ 400, e 29 de novembro na Europa, custando € 399. O Brasil também terá o console no dia 29 de novembro, no entanto, o preço final ainda não foi anunciado. Até o fim do ano o PS4 estará presente em 32 países.

Ouya começa a ser vendido em cinco lojas de três países

Enfim, o Ouya, o primeiro console aberto será vendido no mercado. Cinco lojas dos Estados Unidos, duas do Reino Unido e uma no Canadá começam a colocar em suas prateleiras o console, que estava disponível apenas para quem financiou o projeto via Kickstarter ou pelo site dos desenvolvedores.

O console, com um controle sem fio, ainda custará US$ 99 (um pouco mais de 200 reais). O Ouya é o primeiro console com sistema Android. Do tamanho de uma maça, ele tem 1 GB de RAM, 8 GB de armazenamento interno – expansível, ao conectar um HD externo via USB e tem um processador Nvidia Tegra 3.

Ainda não há informações sobre quando ele será vendido oficialmente no Brasil, apesar de alguns ‘espertinhos’ que vendem o console a partir de R$ 600 em sites de compra e venda de produtos.

 

Pré-venda do Xbox One no Brasil começa dia 26 de junho

A partir de quarta-feira, 26, a Microsoft começará a pré-venda da Edição de Lançamento do console Xbox One no Brasil. O kit terá um controle, código para desbloquear uma conquista de lançamento, chamada de Day One Achivement, 500 GB de disco, BD player, Wi-Fi e o Kinect 2.

Quem tiver o escorpião no bolso terá que pagar R$ 2,199. A Microsoft garante que terá uma quantidade limitada para revenda. Porém, a data oficial de lançamento ainda não foi divulgada.

Ponto Frio organiza reservas para o PlayStation 4

A versão online da loja brasileira de eletrodomésticos Ponto Frio já recebe pedidos de pré-venda. Em um hotsite (site promocional), é possível cadastrar o e-mail para que a empresa possa enviar aos interessados quando se dá o início da venda aqui no Brasil.

A página já tem imagens dos jogos divulgados e faz propaganda já oferecendo o produto ao consumidor.

A Sony ainda não divulgou o custo do aparelho no País. Lá fora o videogame custará US$ 399, frente aos 599 dólares cobrado por sua rival Microsoft, ou R$ 2,199 reais vendido direto no Brasil.

sitepontofriops4

 

 

[E3 2013 Sony] Veja mais fotos do PlayStation 4

20130611-152021.jpg

20130611-152035.jpg

20130611-152051.jpg

20130611-152228.jpg

20130611-152237.jpg

20130611-152244.jpg

Divulgação/Sony

%d blogueiros gostam disto: