Capa >> Arquivos de Tag: Jogos (page 2)

Arquivos de Tag: Jogos

1

Square Enix quer jogos feitos aqui na América Latina



Você que é desenvolvedor de jogos e sempre quis ver o seu trabalho em uma produtora importante, agora é a chance. A Square Enix lançou durante o evento GameWorld 2012, que aconteceu em São Paulo, o Square Enix Latin America Game Contest 2012, que é um concurso em que vai descobrir quem é o melhor desenolvedor de jogos da região. As inscrições começam dia 20 de abril.

A Square Enix sempre teve essa veia para concursos, sendo assim, um grande descobridor de talentos para as suas produções bem sucedidas. Por isso, desta vez, os gamers-desenvolvedores da região latino-americana terá a oportunidade de criar jogos para quem sabe ter a chance de ganhar o apoio e o investimento de uma das maiores produtoras de games do mundo para produzir o jogo dos seus sonhos.

Fundador da Enix e presidente da Square Enix, Yasuhiro Fukushima. Foto: Kyodo News

“Este concurso terá como alvo toda a região latino-americana, sendo aberto a profissionais e amadores. Esperamos que pessoas de diversas áreas se juntem e que muitos criadores talentosos sejam descobertos através desta iniciativa. Vamos juntos trazer os melhores jogos da América Latina para o mundo!”, disse Yasuhiro Fukushima, fundador e Presidente Honorário da Square Enix.

O primeiro concurso promovido pela produtora foi em 1982, o Game Hobby Program Contest, que descobriu muitos talentosos desenvolvedores de jogos no Japão. Esse evento é apontado como uma das principais iniciativas naquele país quando se trata do desenvolvimento da indústria japonesa de jogos eletrônicos. Até os dias atuais os desenvolvedores trazem frutos ao país.

“Na América Latina, o primeiro passo da Square Enix será o concurso Square Enix Latin America Game Contest 2012, e estamos ansiosos para repetir a nossa história aqui também”, completa Fukushima.

VEJA COMO PARTICIPAR:

– Não há restrição quanto ao gênero e conteúdo, o importante é fazer um jogo bom;
– O jogo deve ser criado para smartphone, tablet (com sistemas Android superior a 2.2, iOS acima de 4.0 e Winadows Phone acima de 7.1) e browser (navegadores como IE, Opera, Chrome e entre outros);
– Os jogos podem ser em português, espanhol ou inglês;
– O período para envio é de 1 a 31 de agosto de 2012;
– Premios: Grande prêmio, US$ 20 mil; Prêmio por excelência, US$ 10 mil; Finalistas, US$ 5 mil (5 jogos).

A Square Enix fará a seleção dos jogos produzidos e fará o anúncio dos finalistas em 31 de outubro. Já o anúncio dos resultados será em 30 de novembro no site oficial do evento. A avaliação será baseada em criatividade (originalidade), diversão, jogabilidade, qualidade e conjunto geral da obra.

Para outras informações acesse o site do concurso.

Faça um jogo em 48 horas no SPjam; depois jogue!

Um evento para você criar o seu jogo em pouquíssimo tempo. A cidade de São Paulo vai abrigar a primeira SPjam. Leia Mais »

Ubisoft relança jogos a partir de R$ 79,90

A Ubisoft baixou os preços de dez de seus grandes sucessos para os videogames Wii, Xbox 360, Xbox Kinect e PS3. Entre os jogos que agora passam a ser vendidos por R$ 79,90. Leia Mais »

[Leitor] Um marginal em meio à nova geração eletrônica

__________________________________________________________

Leia a reprodução do post do blog do meu amigo Rafael Jubelini, do Hilário Diário, sobre os jogos caros e como é duro ser gamer no Brasil.

Quer participar do Leitor NoReset? Basta enviar um e-mail para noreset@noreset.net que logo o seu texto será publicado aqui!

__________________________________________________________

Quem lê o blog e não me conhece deve pensar que eu odeio tudo. Mas não. Há coisas que eu adoro fazer. Uma delas é o videogame. Chamem de nerd, como quiserem, mas a verdade é que desde que me conheço por gente eles estão na minha vida e com certeza sempre estarão. Estou nessa desde os quatro ou cinco anos de idade e já passei por Atari, Master System, Mega Drive, Super Nintendo, Nintendo 64 e Playstation 2.

Meus pais já gastaram uma nota em consoles e jogos para mim, principalmente quando era preciso adquirir os originais. Com o PS2, e com o surgimento de barba e vergonha na minha cara, isso deu uma sossegada.

Estava tudo muito bem, tudo muito legal, até que, dia desses, um japa filho da puta da Sony acordou e disse:

– Shakimexi Nakara putagura picofu dermura Rafael né?! (Tradução: mas que belo dia para fuder um filho da puta chamado Rafael né?)

Sim, o miserável do japa criou todo um sistema visando única e exclusivamente foder um rapaz branquelo, alto e narigudo que mora do outro lado do mundo. O cretino criou uma forma de vencer a pirataria. Ou seja, a poderosa, invencível e ABENÇOADA pirataria foi vencida e agora temos que comprar jogos originais. Só o console é mais de mil reais, imagina pagar 200 conto no mínimo por um jogo? Já perdi as contas de quantas merdas eu já comprei, joguei cinco minutos, e viraram frezbie de cachorro, peso de papel, encalço para cadeira e mesa. Seria muito mais drástico agora, que EU teria que pagar com o MEU dinheiro. Tragédia. Esse japa filho da puta deve ler este blog e procurou motivos para um novo texto, só pode ser.

Enfim, após anos de Nintendo 64 e Super Nintendo, com seus jogos caríssimos e originais, prometi a mim mesmo NUNCA MAIS COMPRAR UM JOGO ORIGINAL. Sim, eu compro PIRATA e enquanto não pagarem salários que possam pagar mídias originais eu continuarei comprando PIRATA. E não me venham com papinho de pirataria é crime e blábláblá. Crime é o assalto de comprar 200 mangos num jogo. “Mas a pirataria alimenta o tráfico.” HUAHUAUHUAHAUH! Os caras que estão lá fazem isso porque são desempregados nesse sistema de merda que vivemos. Quer dizer que cinco reais que pago num DVD vai alimentar o crime nos morros? E eu sou idiota? Posso ser com algumas coisas. Entretanto, neste aspecto não. Joguinho de peso na consciência comigo não cola.

Pau no c* desses miseráveis que cobram uma fortuna de impostos e fazem o jogo chegar aqui pelo quádruplo do preço. A solução contra o fantasma da pirataria é o bom senso. Influenciem a compra de originais dando um preço justo, não com propagandinhas de merda! Minha consciência vai pesar se eu pagar 200 pau em um jogo, não por comprar pirata e estar supostamente ajudando o crime. Pff, algum imbecil caiu nessa? Não só compro como faço amizade com os manos da barraquinha, sou um associado do crime agora?

Bom, eu não pretendia ficar fora da evolução do videogame. Vencido pelo japa miserável da Sony, passei a ver o Xbox-360 com bons olhos. Jogos piratas! Viva a pirataria! Mas, e na minha vida as coisas boas sempre vêm acompanhadas de um “mas”, estou me acostumando a levar um duro golpe após momentos de felicidade. Alegria de azarado dura pouco. Se comprasse um desbloqueado, que aceita games falsos, não poderia jogar nada online. Se jogasse, a Microsoft, que faz o Xbox-360, identificaria meu aparelho desbloqueado e o baniria da Live, o servidor que permite esse acesso. Ficaria com um vídeo-game impossibilitado de conectar à internet para sempre.

E volta o cão arrependido, com seu nariz farto, a carteira roída, atrás de uma nova alternativa. Com o rabo entre as patas, dividi em várias vezes um computador novo. Vários gigas de memória, HD, processador ótimo. Pronto, jogarei as bagaças no PC. Adquiri um controle tals, comprei jogos PIRATAS liguei meu novo computador e… E… Não deu. Ficou para a próxima.

Quando se trata de Razinho as coisas são bem mais complicadas que o normal. O PC não rodava os games fodões. Precisa de um tal Shader Mode 3.0 ou superior para dar certo. Eu, inocente, para não dizer burro, procurei no Google na esperança de baixar o tal Shader Mode 3.0, instalar e poder jogar tranquilamente. Afinal, eu só quero jogar, CARALHO! É pedir muito isso???

O tal Shader Mode 3.0 não é para ser baixado e sim comprado. Indicava que a placa de vídeo do meu PC precisava ser mais avançada. No entanto, a força superior me fez nascer com algo chamado persistência. Afinal, não teria graça zuar um cara que desistisse fácil. Então é uma característica boa para mim e para a temida força superior, pois assim ela pode me zoar à vontade, muitas vezes.

Fui atrás da PORRA da placa de vídeo:

– Cerca de 300 reais no seu cartão Mastercard.

– Certo ok, vou levar então.

– Ah não esqueça da fonte hein?

– Fonte? Como assim?

– Sim, precisa de uma fonte de energia para suportar a placa.

– Tá, quanto custa isso?

– 200 reais

– FUUUUUUUUUUUU

É senhoras e senhores. Cá estou, totalmente avesso às novas tecnologias de videogames. Logo eu, que sempre fui um aficionado. Fui obrigado a recuar e esperar. Logo eu novamente, que odeio esperar. Se eu já não tinha grana antes, agora que comprei o PC na esperança de poder jogar e fracassei tenho menos ainda. Agora vou-me, jogarei PACIÊNCIA no meu PC novo de última geração.

Sessão de jogos, tranquilidade e lual nerd na noite da Campus Party

campusparty_noresetA noite caiu na região do Centro de Exposições do Imigrantes, mas não é por isso que a agitação da segunda noite na Campus Party deixou de acontecer.

O evento, que reune nerds e fanáticos por tecnologia, seguiu movimentado. Por alguns momentos, os campuseiros usavam alto-falantes e faziam gritos em coro de “ôla”, “aeee” e “hadouken”, outros partiam para dormir na área de camping. Alguns campuseiros reclamaram dos atrasos e das trocas das palestras de última hora e sem o aviso prévio da organização. Do outro lado do pavilhão, a representação brasileira do Partido Pirata discutia questões como a liberdade na internet.

Grande parte da massa cibernética continuou em suas mesas usando seus MSNs, Orkuts, Twitters e Facebooks, trabalhavam com suas programações ou debatiam nas áreas dos palcos, que está com a luz mais baixa. Isso, porque, alguns os poucos debates e palestras que faltavam vararam o início da madrugada – como o palco de Desenvolvimento que abordava jogos eletrônicos.

Outros campuseiros ainda jogavam Guitar Hero numa parte do pavilhão e outra parte seguiu nos desktops com jogos online. Claro, a sessão de jogos com o Street Fighter IV e Rock Band continuou para o delírio da massa nerd que estava por lá.

No outro lado do pavilhão havia um grupo, com cerca de 20 pessoas, que estava realizando uma espécie de “lual nerd”, eles se autodenominaram de “Campus Party Jam”, em que era feito uma roda, e qualquer um podia chegar perto e cantar Legião Urbana, Jota Quest e 4 Non Blondes.

Se lembram dos gritos? Agora os campuseiros que seguem gritando a cada vez que uma sirene é tocada, e eufóricos, alguns até levantaram as suas cadeiras para o alto. Que coisa, não?

Após o momento eufórico, boa parte dos campuseiros resolveram se recolher para a área de camping ou pegar os puffs que estavam em alguns estandes para dar um cochilo e repor as energias, pois a quarta-feira também promete ser agitada.

Veja  a galeria!


Veja as imagens de Dragon Quest IV, para Nintendo DS

dragonquest4

Veja as imagens de Dragon Quest VI, que segundo a produtora Square Enix, deve ser lançado no dia 28 de janeiro para o portátil Nintendo DS. Para os japoneses é considerado um dos melhores RPGs lançados na história dos games.

O Dragon Quest foi criado pelo desenhista de Dragon Ball, Akira Toriyama, e a história se passa num mundo de magia numa aventura durante o período medieval. A sua primeira versão foi lançada em 1986.

Veja as imagens e clique para aumentá-las.

Famitsu: Mega Man 10 está a caminho!

Famitsu: Mega Man 10 está a caminho!
Segundo o Kotaku, a revosta japonesa Famitsu divulgou as primeiras informações – e imagens – do Mega Man 10.
Sim, vai ter um Mega Man classic com o algarismo dez! O jogo volta com o visual tradicional que marcou os fãs do game, inclusive eu.
Na foto da revista há informações de que Proto Man estará de volta para atormentar o robozinho azul. E claro como a imagem do Mega Man 10 mostra, teremos um robozinho chamado Sheep Man.
Outra coisa interessante é que o Mega Man 10 não será exclusivo para o serviço WiiWare, da Nintendo, o Xbox Live Arcade e a PlayStation Network vão receber uma versão do game. E também o legal da versão dez para as redes de games é que também vai ter o sistema de troféus para você pode gritar para o mundo o quanto você manja bem de Mega Man!
Boa Capcom! Eu só fico bronqueado porque a produtora poderia lançar uma versão para o PC.

megaman10

Segundo o Kotaku, a revista japonesa Famitsu divulgou as primeiras informações – e imagens – do Mega Man 10.

Sim, vai ter um Mega Man classic com o algarismo dez! O jogo volta com o visual tradicional que marcou os fãs do game, inclusive eu.

Na foto da revista há informações de que Proto Man estará de volta para atormentar o robozinho azul. E claro como a imagem do Mega Man 10 mostra, teremos um robozinho chamado Sheep Man.

mmfam

Outra coisa interessante é que o Mega Man 10 não será exclusivo para o serviço WiiWare, da Nintendo, o Xbox Live Arcade e a PlayStation Network vão receber uma versão do game. E também o legal da versão dez para as redes de games é que também vai ter o sistema de troféus para você pode gritar para o mundo o quanto você manja bem de Mega Man!

Boa Capcom! Eu só fico bronqueado porque a produtora poderia lançar uma versão para o PC.

Leitor NoReset: Os jogos mais vendidos da história

noreset_gamenews

leitor_noreset

O Leitor NoReset de São José dos Campos/SP, Gabriel Melani mandou uma lista sobre os 10 jogos mais vendidos da história segundo um  site. Na lista existem desde clássicos do NES, jogos dos portateis Game Boy e DS e até a última versão do GTA.

Leia abaixo e opine caso concorde ou não com a lista.

10 – Grand Theft Auto: San Andreas – 17,29 milhões de unidades

Lançado em 2004 nos Estados Unidos, Grand Theft Auto: San Andreas foi um sucesso de vendas em todo o mundo. O jogo rendeu um lucro gigante para a Rockstar. O jogo foi desenvolvido para o PC, Playstation 2 e Xbox, o jogo foi criado pela Rockstar North.

9 – Super Mario Land – 18,14 milhões de unidades

Acompanhando o lançamento do videogame portátil Game Boy, o jogo foi lançado e criado em 1989 no Japão pela Nintendo. Criado por Gunpei YokoiSuper Mario Land se tornou um dos jogos mais populares de todos os tempos, vendendo milhares de cópias no mundo todo.

8 –  Nintendogs – 19,36 milhões de unidades

Desenvolvido pela Nintendo para o  portátil Nintendo DS, Nintendogs é um jogo de simulação em que o jogador deve cuidar, alimentar e brincar com o seu cachorro virtual. Lançado em 2005 no Japão, o jogo foi criação do japonês Shigeru Miyamoto.

7 – Super Mario World – 20,61 milhões de unidades

Considerado um “best-seller” do  Super NintendoSuper Mario World, criado pelo designer japonês Shigeru Miyamoto, acompanhou o lançamento do console. Considerado um sucesso comercial no mundo. O jogo foi lançado em 1990 no Japão, e é  um clássico dos jogos eletrônicos.

6 –  Pokémon Gold/Silver – 23,11 milhões de unidades

Lançado em 1999 no Japão, a versão Pokémon Gold & Silver foi criada pelo designer japonês Satoshi Tajiripor e desenvolvida pela Nintendo para o console portátil Game Boy. O jogo vendeu milhares de cópias no mundo inteiro, superando até mesmo algumas versões anteriores da companhia bilionária criadora do Pokémon.

5 – Wii Sports – 27,58 milhões de unidades

Desenvolvido pela Nintendo para acompanhar o console Wii, Wii Sports traz diversos esportes como tênis, golfe, boxe, basebal e boliche. O jogo eletrônico, lançado em 2006 nos EUA, contou com a criação do japonês Katsuya Eguchi e está entre os mais vendidos de todos os tempos.

4 – Duck Hunt – 28,31 milhões de unidades

O jogo eletrônico desenvolvido pela Nintendo e produzido pelo japonês Gunpei Yokoi foi lançado em 1984 no Japão. Considerado um dos jogos mais vendidos de todos os tempos, Duck Hunt foi um dos primeiros jogos de tiro a fazer tamanho sucesso. Eu jogava muito no meu Turbo Game, da CCE ^^

3 –  Tetris – 30,26 milhões de unidades

Listado entre um dos jogos de videogame mais bem-sucedidos de todos os tempos, Tetris foi desenvolvido pelo russo Alexey Pajitnov, em 1984, nos tempos aureos da Guerra Fria, para uma feira de ciências na União Soviética.  A Nintendo lançou o jogo soviético em 1986 no Japão. A partir daí surgiram inúmeras outras versões do jogo, mas a do console portátil Game Boy se tornou a mais popular e rentável de todas. Afinal quem não passou um bom tempo da sua vida tentando encaixar os bloquinhos e ovuindo uma boa música cossaca?

2 –  Pokémon Red/Green/Blue – 31,38 milhões de unidades

Desenvolvido pela Nintendo com ajuda do designer japonês Satoshi Tajiri, o Pokémon Red & Blue, nos EUA,  e Pokémon Red & Green, no Japão, é o primeiro jogo da série que se tornou um enorme sucesso entre os usuários. Lançado em 1996 no Japão, o jogo eletrônico rendeu muitas outras derivações.

1 –  Super Mario Bros. – 40,24 milhões de unidades

Apresentado no Livro Guinness dos Recordes como o jogo de videogame mais vendido de todos os tempos, Super Mario Bros, lançado pela Big N em 1985 nos EUA, é considerado um clássico do mundo dos games. Criado pelo designer japonês Shigeru Miyamoto, o jogo mudou o conceito de jogo de plataforma, inspirando inúmeras outras seqüências até os dias de hoje.

LEITOR NORESET
Você quer mandar um texto? Envie a sua proposta para o noresetmail@gmail.com que a nossa equipe vai revisar e postar os melhores textos do maior blog de fuleiragens e chinelagens da internet.

rodape_noresetnet2

NPD divulga lista dos mais vendidos em novembro

noreset_plantaograficovendasnpd121208Cido Coelho

O grupo NPD divulgou essa semana a nova lista dos jogos e consoles mais vendidos no mês de novembro. A surpresa fica com o avanço do Nintendo DSi, que vendeu atá agora cerca de 650 mil e junto com a versão DS, o portatil alcançou a segunda colocação nas vendas, ficando atrás apenas do Wii. O outro  destaque da lista é o Xbox 360, que passou o PlayStation Portable, por causa do bom desempenho no lançamento dos jogos Gears of War 2 e Call of Duty: World at War, estes dois jogos também lideraram as vendas no último mês que passou.

Veja os números dos jogos mais vendidos.

62770_013221. Gears of War 2 (Xbox 360) — 1.56 million
2. Call of Duty: World at War (Xbox 360) — 1.41 million
3. Wii Play W/ Remote (Wii) — 796,000
4. Wii Fit (Wii) — 697,000
5. Mario Kart (Wii) — 637,000
6. Call of Duty: World at War (PS3) — 597,000
7. Guitar Hero: World Tour (Wii) — 475,000
8. Left 4 Dead (Xbox 360) — 410,000
9. Resistance 2 (PS3) — 385,000
10 Wii Music (Wii) — 297,000

UPDATE

Segue abaixo os números de vendas divulgados pela Media Create na primeira semana de dezembro (semana 01/12 a 07/12);

mediacreate_logDSI   –   126,648
PSP   –  54,782
Wii    –   56,702
PS3    –  30,309
DS Lite  –   12,096
Xbox 360  –  9,988
PS2   –  5,743

+

rodape_noresetnet2

Games estão no topo das vendas do Ebay

noreset_plantaoCido CoelhoO maior site de leilões na internet está soltando fogos em relações as vendas de jogos e consoles. Os três artigos mais vendidos em 2008 no site Ebay são games. Isso se deve aos baixos cutos na entrega

O Wii bateu o recorde de vendas – chegando a marca de 2.056.866 de consoles vendidos, seguidos pelo Xbox 360 e o PlayStation Portable. O PlayStation 3 não decolou por causa do alto custo do console ele teve 103.333 aparelhos comercializados. As vendas estão relacionadas a console,  jogos e acessórios.

Além dos jogos, os produtos da Apple também tiveram bom desempenho nas vendas. O iPod Touch vendeu 281.361 unidades e o iPhone 3G vendeu 212.837 aparelhos.

Veja a lista dos 15 produtos eletronicos mais vendidos no Ebay:

1.    Nintendo Wii: 2,056,866 de itens relacionados vendidos;
2.   Microsoft Xbox 360: 1,297,903 de itens relacionados vendidos;
3.   Sony PSP: 350,591 de itens relacionados vendidos;

4.   iPod Touch: 281,361 de itens relacionados vendidos;
5.   Nintendo Wii Fit: 266,584 de itens relacionados vendidos;
6.   Apple iPhone 3G: 212,837 de itens relacionados vendidos;
7.   BlackBerry Pearl: 207,688 de itens relacionados vendidos;
8.   BlackBerry Curve: 193,788 de itens relacionados vendidos;
9.   Playstation 3: 103,333 de itens relacionados vendidos;
10. Guitar Hero III: 98,159 de itens relacionados vendidos;
11.  Halo 3: 91,067 de itens relacionados vendidos;
12. GTA IV: 43,005 de itens relacionados vendidos;
13. MacBook Air: 12,423 de itens relacionados vendidos;
14. Guitar Hero Aerosmith: 3,749 de itens relacionados vendidos;
15. Rock Band 2’s: 1,650 de itens relacionados vendidos.

INFORMAÇÕES COM INFO

rodape_noresetnet2